30 de jan de 2012

Chamado às entidades, organizações e ativistas do ABC: Ampliar a campanha de solidariedade ao Pinheirinho


     Acompanhamos de perto o massacre promovido pelos governos do PSDB (Alckmin e Cury) no bairro do Pinheirinho em SJC.
     
Reintegração de posse no Pinheirinho - 22/01/2012
     
     Agora são inúmeras as denuncias de violação dos direitos humanos e negligência dos governos com os moradores que foram desalojados. Vemos imagens de famílias sem casa, sem moveis, só com a roupa do corpo. Não podemos assistir a tudo isso calados, devemos exigir que os governos garantam condições dignas para as famílias, além disso, providenciem imediatamente casas para os desalojados. O governo federal já demonstrou disposição em ajudar e em desapropriar o terreno, é necessário que isso se implemente, não é possível que o governo siga assistindo as famílias na rua sem que tome uma medida efetiva.
     
     Vemos o mesmo problema com a habitação no ABC. O deficit habitacional da região está em 150 mil unidades. A cada ano é uma nova área que ocorre deslizamentos, são moradores que estão em área de risco, moradores de rua. E sabemos que diversos bairros das cidades são de áreas irregulares, assim como no Pinheirinho estavam sem utilização e foram ocupadas, que estão sujeitos a sofrerem o mesmo fim pela truculência dos governos e ausência de política para a habitação. Ano passado vimos ocorrer reintegração de posse no Jardim Santo André (na cidade de Santo André, prefeitura do PTB) e na Vila Ferreira (cidade de São Bernardo do Campo, prefeitura do PT), somando mais de mil moradores postos na rua. Se a negligencia dos governos se mantêm podemos assistir mais cenas como essa de massacre da população pobre e repressão.
Reintegração de posse na Vila Ferreira - SBC- 20/07/2011

     É necessário que as entidades, organizações e ativistas do ABC se somem à campanha em defesa dos moradores do Pinheirinho.

     Já se iniciou uma campanha material de solidariedade, impulsionada pela CSP-CONLUTAS e é necessário que essa campanha se amplie.

     Chamamos a todos a que se somem à campanha arrecadando materiais ou contribuição financeira ou mesmo doando o que for possível. São diversas as necessidades dos moradores, comidas, roupas, cobertores, medicamentos, produtos de higiene pessoal.

     Temos diversas entidades históricas, como o sindicato do Metalúrgicos do ABC, sindicato dos Químicos, Bancários, que podem ajudar tanto politicamente como materialmente. 

     Estamos disponibilizando a sede do PSTU ABC como um posto de arrecadação, cada entidade também pode ser um posto de arrecadação para a sua categoria.

 Este povo, que neste momento caiu, poderá se levantar com a nossa ajuda!

Conta Bancária para doação:
Banco do Brasil
Agência: 4223-4
Conta Corrente: 8908-7
Central Sindical e Popular Conlutas

Plantões na sede do PSTU ABC:
Segunda-feira: Das 18 às 21h.
Terça-feira: Das 18 às 21h.
Quinta-feira: Das 18 às 21h.
Sábado: Das 14h às 17h.

Rua Carlos Miele, 58. Atrás do terminal Ferrazópolis. 4339-7186

Para mais informações: Joana (92850742) Mayara (93635380).